Automobilismo FórmulaSuper Fórmula

Super Formula – Sérgio Sette está fora da primeira etapa da Super Fórmula

Barreiras diplomáticas em virtude da Pandemia impediram ida do piloto ao Japão

O autódromo de Motegi, no Japão, receberá neste fim de semana, entre os dias 28 e 30 de agosto, a rodada de abertura da temporada 2020 da Super Formula. Os mais de 20 pilotos da categoria estavam extremamente ansiosos pelo início da competição postergado desde abril em virtude da Pandemia do COVID-19.

Animado pelo início da competição o brasileiro Sérgio Sette Câmara se preparou bastante para o início do Campeonato em que defenderá as cores da equipe Buzz Racing with B-Max. Desde os testes da pré-temporada, realizados no autódromo de Fuji, ainda no mês de março, o piloto cumpriu uma série de compromissos na sede da equipe, no Japão. Além disso, em sua função de piloto reserva da F-1, acompanhou a equipe Alpha Tauri na maioria das provas do Campeonato Mundial realizadas até agora. Além disso, no início do mês, o mineiro de 22 anos disputou as últimas seis etapas do Mundial de F-E quando demonstrou grande evolução a bordo do carro da equipe GEOX Dragon.

Passada a rodada da Espanha da F-1 Sette Câmara estava pronto para seguir ao Japão para a abertura da Super Formula. Contudo, as rígidas restrições de acesso à estrangeiros no país, devido às barreiras sanitárias de controle à COVID-19, tronaram-se uma grande barreira para a entrada do piloto no país oriental. Tanto via equipe, no Japão, bem como no consulado do Brasil na Espanha e até mesmo com a participação do Itamaraty o piloto tentou de todas as formas uma liberação para que fosse possível o seu acesso. Infelizmente, nesta manhã, a última negativa aconteceu por parte das autoridades japonesas e, sendo assim, Sette Câmara não conseguirá disputar a primeira etapa da Super Fórmula.

Diante do novo cenário Sérgio neste momento viaja em direção à Bélgica onde, no circuito de Spa-Francorchamps, seguirá o desenvolvimento de suas ações como piloto reserva e de desenvolvimento para as equipes Alpha Tauri e Red Bull Racing.

“Infelizmente estamos vivendo momentos muito difíceis em todo o mundo. Cada país tem suas determinações para o combate à Pandemia e não nos cabe julgar se estão corretas ou não. Estou tranquilo por ter feito todo o possível para me juntar ao time nesta primeira etapa, mas, realmente não conseguimos o visto necessário. Agradeço imensamente ao apoio que recebi da embaixada do Brasil na Espanha, bem como aos diplomatas do Itamaraty, que me deram todo o suporte nesta tentativa que, infelizmente, acabou não acontecendo”, explicou o piloto de Belo Horizonte.

A segunda etapa da Super Formula será disputada no Autódromo de Okayama, também no Japão. Para esta rodada, que será disputada entre os dias 25 e 27 de setembro, Sette Câmara acredita que poderá se juntar ao time uma vez que terá tempo hábil, inclusive, para cumprir uma possível quarentena em solo japonês.

 

Fonte: Quick Com.

Fotos: Divulgação

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X