Moto VelocidadeMotoE

MotoE – Eric Granado mantém 100% e crava a pole na Espanha

Brasileiro novamente dominou treino livre, antes de conquistar a posição de honra no grid para a 1ª etapa

Jovem brasileiro da equipe Avintia Esponsorama, Eric Granado novamente foi o melhor piloto na pista durante todo este sábado (18) ao cravar a volta mais rápida no terceiro treino livre e também ao conquistar a pole position para a primeira etapa do Mundial de Moto-E, em Jerez de la Frontera, Espanha. Com a façanha, Granado mantém 100% de aproveitamento nos procedimentos preparatórios para a corrida, já que em todas as vezes que os pilotos duelaram pela condição de mais veloz nos treinos oficiais o brasileiro ficou com a primeira posição. Esta é a segunda pole consecutiva de Granado na Moto-E. O brasileiro largou da ponta também na rodada dupla que encerrou a temporada 2019, em Valência. A corrida deste domingo terá transmissão ao vivo pelo canal Fox Sports, a partir das 5h (de Brasília).

As posições seguintes foram conquistadas pelo alemão Lukas Tulovic (equipe Tech3 E-Racing), cujo tempo ficou a 0s191 da marca do brasileiro; e o suíço Dominique Aegerter (Dynavolt Intact G), que foi 0s256 mais lento. Ao final da classificação, Granado explicou que não foi fácil obter a pole em virtude da dificuldade de todos no grid em desenvolver um acerto que oferecesse mais aderência aos novos pneus Michelin no trabalho em conjunto com a nova suspensão dianteira. “A pista estava muito quente, na casa dos 60oC, e nessa condição a moto estava escorregando demais, especialmente a dianteira nas entradas de curva. É uma moto pesada, então isso preocupava todos”, detalhou. “Então, não foi fácil para ninguém. Eu cheguei a cometer pequenos erros nas duas primeiras sessões do traçado, mas da metade de pista em diante consegui focar e recuperar o tempo que perdi”, explicou.

Eric Granado pilota a moto Energica Ergo Corsa

Com todos os pilotos tendo que lidar com dificuldades geradas pela pouca aderência, algumas situações chamaram a atenção. Como a citada na entrevista coletiva pelo veterano jornalista Thomas Baujard, do site francês Moto Journal. Baujard perguntou como Eric conseguiu controlar a moto na saída da curva quatro, quando a Energica Ergo Corsa do brasileiro derrapava ao mesmo tempo em que queimava o pneu traseiro, soltando fumaça. A cena impressionou. “Para quem viu, pode ter sido até emocionante e bonito”, brincou Eric. “Mas eu estava justamente tentando evitar essa situação, por que assim a gente perde mais tempo na volta”.

Para a corrida deste domingo, Granado espera situações menos críticas. “Vamos correr por volta de 10h no horário local, então vai estar menos quente do que no horário da classificação, que foi no período da tarde”, observou. O brasileiro também elogiou o trabalho da equipe Avintia Esponsorama. “Eles estão trabalhando para que eu me sinta mais confortável e confiante toda vez que entro na pista”, resumiu. “No treino livre de hoje, quando andamos em uma temperatura que vai ser mais próxima da que teremos na prova de amanhã, fizemos uma boa simulação de corrida. O ritmo a que chegamos foi muito bom. Então continuamos otimistas. Mas a categoria só tem fera, a gente sabe que tem que respeitar por que ali muita gente tem potencial para vencer amanhã. A gente tem então é que fazer sempre o nosso melhor”.

O brasileiro Eric Granado disputa o Campeonato Mundial de Moto-E com patrocínio de Oakley, Shark, Alpinestars e Thinkers, além do apoio de Orbea, Marazul, Edge e Frota.

 

Dez primeiros no classificatório para a 1ª etapa:

1) Eric Granado (Brasil, Avintia Esponsorama), 1min48s620

2) Lukas Tulovic (Alemanha, Tech3 E-Racing), a 0s191

3) Dominique Aegerter (Suíça, equipe Dynavolt Intact G), a 0s256

4) Matteo Ferrari (Itália, Trentino Gressini MotoE), a 0s325

5) Alejandro Medina (Espanha, Openbank Aspar Team), a 0s376

6) Xavier Simeon (Bélgica, LCR E-Team), a 0s450

7) Alex De Angelis (San Marino, Octo Pramac MotoE), a 0s511

8) Jordi Torres (Espanha, Pons Racing 40), a 0s673

9) Niki Tuuli (Finlândia, Avant Ajo MotoE), a 0s752

10) Mattia Casadei (Itália, Ongentta SIC58 Squadracorse), a 0s754

 

 

Dez melhores no terceiro treino livre, realizado também neste sábado:

1) Eric Granado (Brasil, Avintia Esponsorama), 1min48s361

2) Dominique Aegerter (Suíça, equipe Dynavolt Intact G), a 0s127

3) Niccolo Canepa (Itália, LCR E-Team), a 0s362

4) Matteo Ferrari (Itália, Trentino Gressini MotoE), a 0s408

5) Xavier Simeon (Bélgica, LCR E-Team), a 0s448

6) Jordi Torres (Espanha, Pons Racing 40), a 0s493

7) Lukas Tulovic (Alemanha, Tech3 E-Racing), a 0s544

8) Niki Tuuli (Finlândia, Avant Ajo MotoE), a 0s593

9) Alejandro Medina (Espanha, Openbank Aspar Team), a 0s595

10) Mike Di Meglio (França, EG 0,0 Marc VDS), a 0s709

 

 

Fonte: BestPr.

Foto: MotoGP/MotoE

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X