AutomobilismoSprint Race

Sprint Race – Pilotos da GT Sprint Race disputarão em três distintas categorias

Competição voltará às pistas, totalmente reformulada com novos carros, novo formato, atrações inéditas e promete realizar neste ano o mais eclético calendário de sua história.

A oitava edição da GT Sprint Race promete ter, em 2020, uma das disputas de mais alto nível técnico de sua história. O campeonato trouxe um novo posicionamento no quesito divisão de pilotos, além de ter modificado seu formato, com novos carros, tipos de pista e de corrida que pretendem disputar. A classificação dos pilotos passou de duas para três categorias.

A classe PRO, reúne pilotos profissionais ou pilotos que almejam fazer dele como profissão. Podem se inscrever pilotos até 27 anos, pilotos provenientes do kart nas categorias Graduados e Shifter; piloto com superlicença ou carteira máster até 59 anos.

A AM, assim como acontecia na antiga GP, pilotos ou duplas acima de 27 anos, pilotos convidados pelo promotor não intencionado a participar do campeonato, com passagem pelo kartismo nacional sem terem participado da categoria Graduados ou Shifter.

A categoria AM será composta por pilotos ou duplas acima de 27 anos

E a nova PROAM é um misto das duas categorias, na qual disputam pilotos ou duplas acima dos 27 anos e que têm vivência no automobilismo; sendo pilotos com título ou vice-campeonato na Sprint Race, pilotos acima de 27 anos detentores de títulos nacionais e pilotos detentores de carteira máster ou superlicença acima de 59 anos.

O piloto com perfil para GT Sprint Race AM pode inscrever-se à GT Sprint Race PROAM e PRO, assim como pilotos PROAM podem fazer parte do grid PRO, entretanto, uma vez inscrito em uma modalidade deverá ser mantido até o fim da temporada. Na hipótese de mudança de categoria dentro do ano em atividade, sua pontuação automaticamente estará zerada.

A participação dos pilotos poderá ser individual ou em duplas. Quando em duplas, cada piloto fará um treino, uma classificação e largará na posição que conquistar na sua tomada de tempo.

“O que estamos colocando em pista não é nada inventado. Apenas adaptamos o que já acontece nas categorias na Europa, na Ásia e nos Estados Unidos e vem dando certo em todos estes lugares”, aponta Thiago Marques, CEO da GT Sprint Race.

A nova PROAM é um misto das duas categorias, para pilotos com mais de 27 anos

Thiago Marques tem ótimas perspectivas para próxima temporada da competição genuinamente nacional. “Em um momento delicado do país e o mundo, não estamos medindo esforços para chegar mais fortes como nunca estivemos. O grid está praticamente completo e bastante eclético, firmando mais ainda as características do campeonato”, salientou.

Ao equilibrar um alto desempenho com o novo layout, com expressões de extrema qualidade, proporcionará a melhor experiência para os pilotos na história da competição, padronizando, assim, os novos carros da competição que terão motores seis cilindros, com 3.6 litros, 300cv de potência, torque de 40 kg; chassi tubular em aço inox, peso de 1000 kg; suspensão independente, através de duplo triângulo e push rods; além do câmbio sadev de seis marchas, com paddle shift e power shift.

No regulamento desta temporada, o tempo de pista será o mesmo, com 23 minutos e mais uma volta, assim como o ‘lastro’ (peso extra) aos líderes, que seguem na seguinte proporção: 30 kg ao primeiro colocado, 25 kg ao segundo e 20 kg ao terceiro de ambos os campeonatos, PRO, PROAM e AM.

A PRO reúne pilotos profissionais ou que almejam fazer dele como profissão

Todos os pilotos, embora disputem categorias diferentes, correm em par de igualdade, com o mesmo equipamento, preparados pela mesma equipe, onde você leva apenas seu capacete e a vontade de vencer!

A GT Sprint Race é patrocinada pela aQuamec, Yokohama, Militec1, Sparco, TecPads, Injepro, Fremax e Tekbond.

 

 

Fonte: Sig Com.

Foto: Rodrigo Guimarães

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X