AutomobilismoEndurance

Endurance – Após bicampeonato nas 24 Horas de Daytona, Augusto Farfus disputa 12 Horas de Bathurst

Emocionante e intensa. Essas são apenas algumas palavras que resumem a disputa das 24 Horas de Daytona, que resultou no bicampeonato para o Augusto Farfus na categoria GTLM, no último domingo (26). O brasileiro triunfou pelo segundo ano consecutivo numa das mais tradicionais provas de longa duração do automobilismo internacional, após uma briga muito equilibrada com dois carros da Porsche, abrindo da melhor forma possível a temporada 2020.

Augusto integrou o quarteto da BMW M8 GTE #24 da equipe BMW Team RLL, ao lado de John Edwards, Chaz Mostert e Jesse Krohn – que foi responsável pelo stint final e pela ultrapassagem que garantiu a liderança definitiva após mais de 40 trocas de posições pelo primeiro lugar durante as 786 voltas.

Foi a prova de 24 Horas mais intensa e “rápida” que eu já passei em toda a minha carreira, em função das poucas bandeiras amarelas e de ter os carros sempre muito próximos, disputando posições. Conquistar a segunda vitória em dois anos consecutivos foi realmente incrível, bem diferentes, em 2019 com bastante chuva, e desta vez com pista seca. Nós tivemos uma corrida perfeita: a equipe, estratégia, pilotos e mecânicos. Foi com certeza a melhor forma possível de começar o ano”, comentou Augusto.

Próximo desafio e temporada 2020

Após a conquista nos Estados Unidos, Farfus seguiu direto para a Austrália, onde disputa já neste fim de semana as 12 Horas de Bathurst, válida pela primeira de cinco etapas do Intercontinental GT Challenge. O brasileiro também competiu de forma integral neste certame em 2019, e agora integra a equipe Walkenhorst Motorsport, tendo Chaz Mostert e Nick Catsburg como companheiros a bordo da BMW M6 GT3.

Agora, já sigo direto para Bathurst, para a primeira etapa do IGTC, onde farei o campeonato todo, neste ano por uma nova equipe, a Walkenhorst. Já corri lá no ano passado, assim como a equipe, então temos boas expectativas não só para esta etapa, como para todo o campeonato e para os meus outros desafios com a BMW em mais uma temporada juntos”, completou o curitibano de 36 anos.

O IGTC ainda passa por mais quatro continentes, com as provas de 24 Horas de Spa-Francorchamps (Bélgica), 8 Horas de Suzuka (Japão), 8 Horas de Indianápolis (Estados Unidos) e 9 Horas de Kyalami (África do Sul).

Além deste campeonato, Augusto ainda tem prevista a participação das 24 Horas de Nürburgring e outras provas do VLN, e também nas 10 Horas de Road Atlanta (Petit Le Mans), pelo WeatherTech Sports Car Championship, em sua 14ª temporada consecutiva como piloto oficial da BMW.

O piloto ainda anunciará outras atividades em seu programa para a temporada 2020.

Fonte: Eversports

Foto: BMW Motorsports

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X