AutomobilismoEndurance

Endurance – O Porsche 911 GT3 R “1” dá show de resistência na final do Endurance Brasil

Volta do campeão de 2017 é destaque das Quatro Horas de Interlagos

SÃO PAULO – O campeão voltou, e nem o longo repouso ofuscou suas qualidades. Cinco anos depois da conquista do título de 2017 e três após sua despedida das pistas, o Porsche 911 GT3 R1 foi retirado da aposentadoria na oitava e última etapa do Endurance Brasil 2022 para se constituir num dos destaques das Quatro Horas de Interlagos, prova vencida por Cacá Bueno/Ricardo Baptista e que confirmou o título da dupla Xandinho Negrão/Marcos Gomes na classe GT3.  O trio Marcel Visconde/Ricardo Maurício/Marçal Müller terminou em 6º a bordo de um carro que até a véspera poderia ser visto no show room da Stuttgart no Itaim. Os pontos marcados permitiram terminar a temporada em terceiro lugar na classe GT3.

Stuttgart Motorsport varou a noite para colocar o 911 GT3 R “1” na corrida

A jornada de regresso do modelo começou nas Três Horas de Interlagos, na sexta-feira, quando a breve e intensa chuva em pontos do autódromo paulistano provocou a batida do Porsche 911 GT3 R2 conduzido por Maurício, que deslizou no asfalto molhado e saiu da pista no final da reta dos boxes. O choque com o protótipo Ginetta, acidentado pouco antes no mesmo local, foi violento e os danos impossibilitaram a recuperação dos dois carros para a corrida do dia seguinte, com quatro horas de duração.

Modelo que sofreu colisao na prova de sexta teve que ser substituido.

A solução encontrada pela Stuttgart Motorsport para seguir na prova, ponto alto da festa de encerramento da temporada, foi resgatar o modelo com um atestado mais do que comprovado de resistência e confiabilidade – em três anos de competições, nenhuma quebra mecânica. Os mecânicos iniciaram os trabalhos de revisão de todos os sistemas no mesmo dia e o colocaram em condições de largar do final do grid com a meta de completar a maratona. Sem qualquer incidente ao longo do percurso, o “bom velhinho” cumpriu a missão a contento. Se a falta de tempo de preparo cobrou seu preço em termos de velocidade, as demais virtudes estavam preservadas.

Marcel Visconde

“Toda a equipe fez um trabalho maravilhoso e está de parabéns pelos resultados obtidos no campeonato e nesta corrida em particular”, elogiou Marcel Visconde. “Nossos mecânicos e engenheiros são guerreiros. Viraram a noite para revisar e revitalizar um carro que estava praticamente parado há três anos. Todos nós ficamos emocionados quando vimos o carro nos boxes, pronto para correr. E mais ainda quando ele cruzou a linha de chegada depois de funcionar perfeitamente durante quatro horas de corrida. Esta é uma corrida que vai ficar para sempre na história da Stuttgart, porque mostrou o espírito esportivo e a vontade de lutar da nossa equipe”, prosseguiu.

Ricardo Mauricio
Marçal Müller

Ricardo Mauricio foi escalado para fazer o último turno da prova e receber a bandeirada. “Eu estava ainda um pouco dolorido, porque a pancada foi forte, mas nada melhor para a parte mental do que sentar num carro de corrida novamente no dia seguinte”, lembrou Maurício. “Tenho de agradecer ao Marcel pela oportunidade de voltar a pilotar um carro que estava parado há um bom tempo. Mas eu não tinha dúvidas de que os meninos fariam o máximo para deixá-lo em condições, e conseguiram. O carro foi supertranquilo e confiável o tempo todo”, elogiou. No balanço do ano, Maurício ressaltou os aspectos positivos. “Não deu para sermos campeões, mas fomos competitivos, levamos a vitória na etapa passada e estou feliz pelos bons resultados.”

Classificação final do Endurance Brasil 2022 – categoria GT3 (seis primeiros)

  • 1) Xandinho Negrão/Marcos Gomes (Mercedes-Benz AMG GT3), 1.005 pontos
  • 2) Cacá Bueno (Mercedes-Benz AMG GT3), 950
  • 3) Marcel Visconde/Ricardo Mauricio/Marçal Müller (Porsche 911 GT3 R), 818
  • 4) Guilherme Figueirôa/Júlio Campos (Mercedes-Benz AMG GT3), 818
  • 5) Marcelo Hahn/Allam Khodair (McLaren 720S GT3), 813
  • 6) Ricardo Baptista (Mercedes-Benz AMG GT3), 705 pontos

Fonte: LAP Press.

Foto: Rodrigo Guimarães/Ricardo Saibro

Alex Sandro

Sou Alex, entusiasta e apaixonado pela velocidade. Por esse motivo compartilho com vocês minha paixão, apresentando com nossos parceiros matérias, fotos e eventos relacionados ao mundo da velocidade. Espero que gostem. Buscamos sempre trazer a melhor noticia e imagem para vocês. Agradeço a todos que caminham conosco desde o início e a você, que está chegando agora também, e se puderem compartilhar, poderemos alcançar mais pessoas apaixonadas como nós. Obrigado Tudo sem fins lucratidos, movido pela paixao!!! 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Alex Sandro

Sou Alex, entusiasta e apaixonado pela velocidade. Por esse motivo compartilho com vocês minha paixão, apresentando com nossos parceiros matérias, fotos e eventos relacionados ao mundo da velocidade. Espero que gostem. Buscamos sempre trazer a melhor noticia e imagem para vocês. Agradeço a todos que caminham conosco desde o início e a você, que está chegando agora também, e se puderem compartilhar, poderemos alcançar mais pessoas apaixonadas como nós. Obrigado Tudo sem fins lucratidos, movido pela paixao!!! 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
X