Automobilismo FórmulaF3

F3 Britsh – Roberto Faria encerra temporada 2021 da GB3 em 5º colocado

No fim de semana em Donington Park piloto carioca fez uma das provas mais precisas da sua carreira conquistando 11 posições na corrida 3

A etapa de Donington Park da GB3 começou com Roberto Faria (Fortec Motorsport) com 316 pontos e 4º lugar na classificação geral. Havia três provas pela frente e chances reais de ficar no Top3. Esse era o cenário após o qualifying, no sábado (16) pela manhã, cuja classificação foi bem apertada. Roberto, que fez o sétimo melhor tempo, ficou atrás apenas três décimos de segundo do piloto mais rápido.

Na corrida 1, ainda no sábado, Roberto largou de P7 e chegou em P12. O resultado foi inesperado. “Tinha um acidente na minha frente, não tive para onde desviar. A escolha foi ir para a brita, voltar mais atrás e seguir brigando por posições”, afirma.

No domingo (17), sob chuva moderada, a corrida 2 foi sem grandes emoções. A largada foi de safety car e Roberto chegou atrás da posição do grid. Largando de P8 e chegando em P10, o piloto conta detalhes sobre a estratégia “a gente foi com pneu de chuva quase novo para fazer uma corrida segura, pontuar o que fosse possível e preservar o carro para a corrida 3, que tinha previsão de ser em pista seca”. Assim aconteceu.

Naquele momento não tinha mais chances do único piloto brasileiro da categoria de alcançar o quarto colocado, a quinta colocação estava praticamente garantida. Roberto largou de P15 – com grid invertido – e chegou em P4. O total de onze posições conquistadas foram praticamente todas mérito de ultrapassagens. “Essa foi uma corrida de alto nível para todos. Ninguém se poupou porque era a última do campeonato. Vimos pilotos com sete, nove, dez e onze – como eu – posições à frente da largada. Isso mostra o alto nível da competição. Eu me orgulho muito do que fiz neste ano. Infelizmente, duas batidas – que não foram minha culpa – me tiraram da briga pelo Top3”, comenta o piloto que mais pontuou na corrida 3 (24 pontos).

Roberto completou um ano e meio como piloto da GB3 – antiga Fórmula 3 Britânica -, ambas as temporadas pela Fortec Motorsport. Com o término da competição neste ano, o jovem piloto volta a se dedicar exclusivamente ao último ano escolar, na Inglaterra – sua única certeza para 2022. “Nós ainda não decidimos o que vamos fazer no ano que vem. Estamos estudando todas as possibilidades sobre categorias e ligas. O que eu sei é que para subir de categoria, eu preciso de um investidor e esse é o nosso foco neste momento”, revela o jovem piloto de 17 anos que, neste ano, subiu nove vezes ao pódio da GB3.

Fonte: DL Press ( Daniela LIma)

Foto: Jakob Ebrey

Alex Sandro

Sou Alex, entusiasta e apaixonado pela velocidade. Por esse motivo compartilho com vocês minha paixão, apresentando com nossos parceiros matérias, fotos e eventos relacionados ao mundo da velocidade. Espero que gostem. Buscamos sempre trazer a melhor noticia e imagem para vocês. Agradeço a todos que caminham conosco desde o início e a você, que está chegando agora também, e se puderem compartilhar, poderemos alcançar mais pessoas apaixonadas como nós. Obrigado Tudo sem fins lucratidos, movido pela paixao!!! 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Alex Sandro

Sou Alex, entusiasta e apaixonado pela velocidade. Por esse motivo compartilho com vocês minha paixão, apresentando com nossos parceiros matérias, fotos e eventos relacionados ao mundo da velocidade. Espero que gostem. Buscamos sempre trazer a melhor noticia e imagem para vocês. Agradeço a todos que caminham conosco desde o início e a você, que está chegando agora também, e se puderem compartilhar, poderemos alcançar mais pessoas apaixonadas como nós. Obrigado Tudo sem fins lucratidos, movido pela paixao!!! 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
X