Moto VelocidadeMoto2

Moto2 – Forward Racing está pronta para Austin

Equipe visa melhores tempos para etapa nos Estados Unidos da América

Neste final de semana, a equipe Forward Racing Team mudará seu cenário, passando da terra do fogo para as grandes pradarias texanas. Está tudo pronto para o American Gran Prix, em Austin, Estados Unidos da América.

Depois de um fim de semana nada fácil na Argentina, etapa quase em casa para o piloto brasileiro, a Forward Racing Team está pronta para deixar para trás as dificuldades da América do Sul, para dar novo espaço à positividade e desejo de revanche para os EUA.

Passada as duas primeiras etapas da Moto2, a Forward Racing Team prepara-se para enfrentar um fim-de-semana desafiante. Os pilotos da equipe estão ansiosos para desbravar os 5.515 metros de asfalto da pista americana, para mostrar os resultados do trabalho feito até agora, juntamente com sua equipe.

O terceiro Grande Prêmio da temporada começará na sexta-feira (20) às 10h55min (horário local), com a primeira sessão de treinos livres no Circuito Texano.

Eric Granado
“Treinei muito aqui no Brasil durante esta semana de descanso, para estar no meu melhor no Circuito de Austin, que é um dos mais longos do Campeonato. A pista em si é muito física, possui algumas zonas realmente difíceis, tive uma preparação forte nesses dias para superar esse aspecto. Estou muito animado e mal posso esperar para voltar ao trabalho com a equipe. Esperamos encontrar boas condições, que nos permitam trabalhar da melhor maneira possivel durante todas as sessões de treinos livres, para chegar com um bom set up no domingo, e isso me ajudar a melhorar meus resultados. Eu sou muito positivo e mal posso esperar para voltar ao caminho certo.”.

Giovanni Cuzari – CEO Forward Racing Team
“O fim de semana na Argentina nos deixou insatisfeitos, especialmente com relação a Stefano, que teve alguns problemas até o final da corrida por causa de outro piloto, arruinando o trabalho duro de remontagem que estava fazendo. Eric, por outro lado, na pista seca não foi tão bem, por isso esperamos que nos EUA as coisas possam melhorar e ele possa progredir. A pista não é das mais fáceis, pelo contrário, seu traçado com mais de 5 quilômetros, demanda uma grande força física. Tenho certeza de que toda a equipe dará 110% mais uma vez.”.

 

 

Fonte: NSCom

Foto: Mirco Lazzari / Rafael Liotto

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X