AutomobilismoBrasileiro de Turismo

Gaetano di Mauro vence em Curitiba e recupera a liderança do Brasileiro de Turismo

Com atuação perfeita, piloto da Academia Shell Racing conquista segunda vitória no ano; em prova combativa, Vitor Baptista chega em sétimo

Depois de um sábado com problemas e apenas um sexto lugar, Gaetano di Mauro conquistou neste domingo uma vitória categórica na segunda bateria do Brasileiro de Turismo em Curitiba, e recuperou a liderança do campeonato.

Com a segunda vitória na temporada, Gaetano chegou a 83 pontos na classificação geral, empatado com Pietro Rimbano, mas é o líder nos critérios de desempate por ter vencido uma prova a mais do que o concorrente.

O domingo também foi bastante positivo para Vitor Baptista, que se recuperou do abandono de sábado e, largando do fim do pelotão, fez belas ultrapassagens para terminar numa boa sétima posição, mesmo depois de uma escapada e uma punição. De quebra, o competidor do carro #120 registrou a segunda melhor volta da prova.

Pole position da segunda bateria por ter sido o sexto na primeira prova, Gaetano di Mauro dominou a corrida deste domingo com autoridade e não deu chance aos adversários desde as primeiras voltas.

Mesmo com as dificuldades de aquecer os pneus pelo frio em Curitiba (9,8 graus), e por uma fina garoa que deixou a pista úmida e com pouca aderência, Gaetano impôs um forte ritmo e chegou a abrir 10 segundos, terminando com 8s6 de frente para o segundo colocado.

O próximo desafio do Brasileiro de Turismo será no circuito de Curvelo, em Minas Gerais, no fim de semana dos dias 22 e 23 de julho.
Resultado da prova:

1º G. Di Mauro – 37m46s966
2º G. Robe – a 8s656
3º M. Cozzi – a 23s933
4º P. Rimbano – a 24s273
5º L. Milani – a 29s945
6º L. Moraes – a 33s917
7º V. Baptista – a 48s105
8º G. Frigotto – a 49s413
9º P. Saderi – a 50s671
10º G. Borlenghi – a 54s549

Classificação do campeonato:

1º G. di Mauro – 83 pontos
2º P. Rimbano – 83
3º G. Robe – 82
4º L. Milani – 72
5º G. Frigotto – 66

 

O que eles disseram:
“Meu carro estava muito rápido. A equipe fez um grande trabalho e estou muito feliz com a vitória e voltando para a liderança no campeonato, que é o que vale. Temos que batalhar na frente, para chegar à final em Interlagos e lutar pelo título. A corrida hoje não foi nada fácil, pois a pista estava escorregadia e alguns carros saíram da pista e voltaram com grama para o traçado, aumentando a dificuldade”

Gaetano di Mauro, piloto do carro #11
“Fomos pegos de surpresa com a chuvinha no começo da manhã, então fomos todos para a pista com pneu de chuva. Eu estava ansioso para correr porque jamais havia andado no carro com pneu de chuva. Larguei em 17º, saí bem, mas houve um safety car que atrasou um pouco as ultrapassagens. Mas na relargada já consegui pular, fui para sexto, cometi um erro, fui lá para trás, me recuperei, depois me envolvi num acidente, recebi um drive through, perdi posições e me recuperei de novo até chegar em sétimo. No fim, eu estava um segundo mais rápido do que a maioria do pelotão. Poderia ter brigado pelo pódio não fossem esses incidentes”

Vitor Baptista, piloto do carro #120

 

 

Fonte: Luis Ferrari

Foto: Victor Eleutério

Etiquetas

Alex De Peder

Apaixonado pelo Automobilismo, essa paixao me fez criar um site para todos terem a mesma informação que sempre gostei de receber. 'Tudo posso naquele que me fortalece'

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
X